12 de março de 2015

Primeiras Impressões | Vidas Investigadas: de Sócrates a Nietzsche (James Miller)

Título: Vidas Investigadas de Sócrates a Nietzsche
Autor: James Miller
Editora: Rocco
Número de páginas: 384

Sinopse: Textos escritos e ilustrados por garotas que buscam representar todas as jovens, inclusive as que não se encaixam nos moldes tradicionais da adolescência A revista on-line Capitolina surgiu em 2014 como uma alternativa à mídia tradicional voltada ao público feminino adolescente. Sua proposta é criar um conteúdo colaborativo, inclusivo e livre de preconceitos, abordando temas como relacionamentos, feminismo, cinema, moda, games, viagens e muito mais. Esta edição reúne os melhores textos publicados em um ano de revista, além de vários artigos inéditos e atividades interativas, para que cada leitora também ajude a construir o livro. As jovens vão encontrar conselhos, dicas, reflexões, muito apoio e, principalmente, a sensação de que não estão sozinhas.





Filosofia é bem mais do que aquelas aulas do ensino médio. E pra quem tem curiosidade de aprender melhor sobre os principais filósofos dos últimos tempos, ler "Vidas Investigadas" é quase uma obrigação.
De Sócrates à Nietzsche, o livro relaciona as vidas pessoais com suas obras. Com um texto simples e de fácil compreensão, a leitura não fica tão maçante quanto livros de filosofia mais complexos.
Histórias e fatos investigados por James Miller, têm como objetivo, além de trazer à tona a vida dos grandes pensadores, preencher a lacuna histórica no quesito de questionamentos humanos.

“Dadas a evidente força pragmática da ciência aplicada e a força igualmente da evidente das comunidades de fé em dar um sentido para a vida, por que deveríamos nos esforçar para elaborar “nossas próprias ponderações” em resposta a questões monumentais, como “O que posso saber?”, “O que devo fazer?” e “O que posso esperar?”. Dedicados a filósofos que vão de Sócrates a Nietzsche, os 12 esboços biográficos que se seguem têm como objetivo explorar essas questões a partir da redação de uma história, como sugeriu Foucault, “motivada pelo problema da vida filosófica”.” (Pág 17)

Indico a leitura para todos aqueles questionadores de sua própria existência, ou para agregar informações e conhecimento sobre humanidade.


Colaboradora: Amanda Lira


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout: Equipe Epifania | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©