quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

O quarto de Jack - Impressões

Olá, pessoas! Tudo bem com vocês?

Hoje trago algumas pequenas impressões sobre um filme que não está em nosso desafio da Revista Bravo, mas eu não poderia deixar de falar sobre. Falo de "O quarto de Jack" (Room, 2014), indicado ao Oscar de melhor filme neste ano.




Jack é um garotinho de cinco anos que vive com sua mãe em um quarto. Tudo que Jack conhece do mundo está dentro de quatro paredes e 10 m². 

Eu defendo a ideia de que, quanto menos vocês souberem da sinopse, melhor. Por isso, vou falar das sensações que o filme me deu, e deixar que descubram todo o resto depois, assistindo.

Com lançamento para 18 de fevereiro no Brasil, este é o tipo de filme que assistimos com uma lágrima na garganta do início ao fim e, se você for como eu, essa lágrima vira um litro e sai com muitos soluços!!! 

O filme trata da sensibilidade da relação entre mãe e filho, desenvolvida em uma situação extrema, delicada e cruel. 

Vemos tudo o que uma mãe é capaz de fazer para proteger seu bem maior, e como uma criança - agora com 5 anos - que não conhece nada da vida, cresce em um ambiente deste.

Lindo, sensível, de chorar até desidratar. Um dos melhores filmes da minha vida!

Esse é só um aperitivo diante da grandiosidade do filme. Volto a falar sobre ele mais pra frente. 




Sobre o Autor: 

Liza AlvernazEliza Alvernaz |  Twitter - Skoob |  Todos os posts do autor
Pedagoga, especialista em Supervisão Escolar e Gestão de Ensino. Leitora compulsiva, libriana desastrada, apaixonada por filmes e séries, viciada em internet e corujas. Mora no interior do Rio de Janeiro, mas não desiste de ganhar e mudar o mundo!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout: Equipe Epifania | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©