terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Maratona Oscar 2017 - Lion: Uma Jornada Para Casa

Olá, tudo bem?


Carnaval tá vindo aí, sei que muita gente já está curtindo os bloquinhos, mas tem sempre o povo do sofá, não é? 

Por isso, já fiz este post com dicas de livros para ler em um dia e venho reforçar a lembrança que, no próximo dia 26 de fevereiro, será exibido, em pleno domingo de carnaval, a Cerimônia de entrega do Oscar e será apresentado pelo comediante Jimmy Kimmel. 



 Como vocês sabem, estou fazendo por aqui a Maratona Oscar, infelizmente, por causa da falta de tempo, precisei me restringir apenas à lista de Melhores Filmes. Então, dando continuidade - e essa semana vai ser chuva de posts de filme pra fecharmos a maratona - vem conferir minhas impressões do filme "Lion"




Indicações: 

Melhor Filme
Melhor Ator Coadjuvante (Dev Patel)
Melhor Atriz Coadjuvante (Nicole Kidman)
Melhor Roteiro Adaptado 
Melhor Fotografia (
Greig Fraser)
Melhor Trilha Sonora (
Dustin O'Halloran e Hauschka)





Lion é baseado na autobiografia de Saroo Brierley, um indiano que, interpretado pelo ator mirim Sunny Pawar na primeira fase do filme, se perde de seu irmão mais velho, por quem tem profunda admiração e quer seguir todos os passos. 





Eu não sei vocês mas eu não tenho estrutura psicológica para filmes que envolvam crianças em situações de menor sofrimento que seja. Choro litros, meu coração dói, eu tenho o impulso de olhar 357 vezes aonde meu filho está - e se está tudo bem - e o desejo de adotar o máximo de crianças possível. Mas, adoro o tipo de filme. É.. Essas estranhezas de cada um!

Sunny interpretou Saroo de uma forma que eu esqueci que estava assistindo a um filme. A última vez que isso aconteceu comigo foi em "O quarto de Jack"

O menino adormece em um trem e vai parar há mais de mil quilômetros de sua casa. Desembarca em meio a pessoas que não falam o seu idioma e começa uma breve tentativa de tentar sobreviver nas ruas da nova cidade, em uma tentativa frustrada de encontrar sua família. 



Após alguns apuros e fugas, Saroo é levado para um Orfanato até que é adotado por um casal, onde preciso destacar a intensa, embora coadjuvante, interpretação de Nicole Kidman. Na pele de Sue, uma Australiana casada com John (David Wenham), a atriz conseguiu imprimir uma personalidade marcante à essa mãe, sendo responsável por uma cena especialmente importante para o contexto da adoção ao lado de indiano já adulto, e outras com mais um menino que o casal também adota um ano depois de Saroo. No entanto, este possui características comportamentais bem diferentes do doce menino perdido que chegou àquela casa antes. 



Há algumas rápidas passagens de tempo no filme e, então, chegamos no único ponto que considerei negativo. Saroo, com 25 anos e, agora interpretado por Dev Patel muda-se para começar um curso de Hotelaria. Faz amigos, conhece uma garota... Tudo de uma forma bem rápida, meio perdida e sem emoção, ele vai de: "não querer contar sobre sua vida" a "contar sobre sua vida" e "não querer aceitar a sugestão dos amigos de procurar sua família biológica pelo Google Earth" a "Começar a procurar ensandecidamente sua família pelo Google Earth". Essa mudança de estado é bem rápida, mas o suficiente pra gerar um certo incômodo, afinal, estamos saindo de quase 50 minutos de pura emoção, lágrimas e aperto no peito, para alguns momentos de um personagem totalmente perdido, com uma namorada interpretada de forma bem superficial, que não convence nem quando a proposta deixa escancarado que deveria ser para, mais uma vez emocionar. 



Por outro lado, é neste momento que a gente respira, toma fôlego e se recupera. Porque, em seguida, Saroo começa sua busca pela família e... Bem, podem esperar mais emoção!

Olha... Eu sei que "La La Land" é o queridinho e, como eu disse aqui, tem "a cara" da Academia. Também já havia falado aqui que, até aquele momento,  "A Chegada" era o meu preferido. Mesmo depois de Lion, mantenho minha segunda opinião. Mas a primeira me colocou em dúvida. 

Não acho que Lion seja um filme grandioso. Até porque, como eu disse, tem suas falhas. Mas acho um filme feito para o Oscar e, talvez pela carga emotiva e uma história com peso maior, pode ser que seja o filme que "roubará" a estatueta do musical... Mas, seguirei vendo os outros e, terminando, posto aqui minha aposta final! 





E aí, vocês já assistiram algum filme dos indicados ao Oscar? Qual?

Pra conferir todos os que já falei por aqui, é só clicar nos links abaixo. 










Beijos, e até o próximo post!


Liza AlvernazEliza Alvernaz |  Twitter - Skoob |  Todos os posts do autor
Pedagoga, especialista em Supervisão Escolar e Gestão de Ensino. Leitora compulsiva, libriana desastrada, apaixonada por filmes e séries, viciada em internet e corujas. Mora no interior do Rio de Janeiro, mas não desiste de ganhar e mudar o mundo!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout: Equipe Epifania | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©